quinta-feira, 18 de junho de 2009













A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade.


Carlos Drummond de Andrade

3 comentários:

camungars disse...

ès tão jovem! pode arriscar tantas coisas: um novo emprego, novas amizades, morar em outra cidade,andar de escada rolante, um novo amor...enfim, se é coragem q esta faltando n~çao procure longe ela esta dentro de vc. bj no teu coração.

Nanda Assis disse...

damos muito valor as coisas pequenas e engrandecemos os problemas, esquecendo de viver as coisas boas.

bjosss...

Denise disse...

E como ha quem deixe a vida passa não é?

resta-nos pouco tempo,para nos fazermos felizes.

carinhos

De