quarta-feira, 27 de outubro de 2010

KPC - a superbactéria




O alerta sobre o aparecimento de uma superbactéria resistente a quase todos os antibióticos e capaz de se espalhar pelos países do globo suscitou o medo do surgimento de uma nova pandemia. Acredito que a situação merece atenção, mas não há necessidade de alarismo e mudanças no cotidiano das pessoas. É preciso esclarecer que o conceito de ‘super’ bactéria não quer dizer que é uma bactéria capaz de destruir tudo e deixar todos doentes. É um termo que se utiliza para explicar que é uma bactéria resistente a antibióticos. São três as possíveis causas para o surto: exagero de antibióticos, falta de higiene e lotação nos hospitais.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Curiosa forma de se colher pepinos


Recebi estas imagens por e-mail, não consegui descobri a origem do invento, mas achei interessante e curiosa a forma de colher pepinos, além de ser de um baixo custo, é mais rápido e, acima de tudo, não provoca dor nas costas.
Trata-se de uma plataforma puxada por um trator, onde cabe 10 pessoas que podem ficar praticamente deitadas enquanto fazem a colheita.


sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Professor:




Para quem, assim como eu, sou uma professora apaixonada,

para quem sabe que o espaço da sala de aula é como um palco


em que, diariamente, todos os autores exercem uma atração


sempre criadora, recriadora e critica de cenas diversas nos variados


contextos, cenários e textos, buscando nesse mundo de idéias,


a paixão do aprender a conhecer o mundo, a si e aos outros.


Que bom que nossa vocação tem despertado a vocação de muitos.


Parece injusto desejar um FELIZ DIA DOS PROFESSORES, quando


Em nosso dia-a-dia tantas dificuldades acontecem:


A rotina, o salário baixo...


Mesmo assim persistimos motivados e qualificados.


A importância do nosso oficio, merece essa homenagem.


Hoje e sempre, por aquilo que somos e por aquilo que fazemos!

domingo, 10 de outubro de 2010



Sentir primeiro, pensar depois



Perdoar primeiro, julgar depois


Amar primeiro, educar depois


Esquecer primeiro, aprender depois


Libertar primeiro, ensinar depois


Alimentar primeiro, cantar depois


Possuir primeiro, contemplar depois


Agir primeiro, julgar depois


Navegar primeiro, aportar depois


Viver primeiro, morrer depois


Mário Quintana

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Pão Caseiro



Recentemente recebi a visita do meu amigo poeta, Froilam de Oliveira, presenteou-me com um exemplar de Vozes e Vertentes.No mesmo dia li rapidamente todo o livro. Passados os dias comecei a reler calmamente e, encontrar novidades ocultas que não percebi na primeira leitura. Ler “pão caseiro” é relembrar do passado, das pessoas, amigos, brincadeiras.



Pão Caseiro

 
Ninguém (que conheço)

Faz um pão

tão bom

quanto o pão

que a mãe fazia

seu pão

era tão bom

que ninguém

comia mais pão

que o pai

nenhum pão

que a mãe fazia

era tão bom

naqueles dias

que a gente

não sabia

quanto era bom

o pão dos dias

que brotava

de suas mãos.



Froilam Oliveira


















sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Todos juntos por Mariana

Uma campanha de solidariedade se inicia aqui em Nova esperança. A iniciativa integra a campanha “Somos Todos Mari”, que busca um doador para Mariana Cuervo Eidt, filha do Juiz Breno Brasil Cuervo, que precisa de um transplante de medula óssea em razão de leucemia linfóide aguda.

A coleta será realizada por equipe de profissionais do Hemocentro de Santa Maria, aqui na cidade, na próxima semana. Segunda-feira será confirmada o dia.

O cadastramento será efetuado no Registro Nacional dos Doadores de Medula Óssea (REDOME), de modo que os voluntários não compatíveis com Mariana poderão ajudar outras pessoas que aguardam por uma doação.


O cadastro é simples: o interessado preenche um formulário e tem 10ml de sangue coletado para um exame de compatibilidade. Caso haja algum paciente compatível com o voluntário, ele será chamado para a doação da medula óssea – um procedimento simples, que pode salvar a vida do paciente.

 

Caso você decida doar:

Você precisa ter entre 18 e 55 anos de idade e estar em bom estado geral de saúde(não ter doença infecciosa ou incapacitante).


Venha você também...

Doe, ajude a salvar uma vida!