quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Flor de Tuna

Esta flor é de uma Opuntia fícus-indica, nome comum: cacto, figo-da-índia; “tuna”.

A planta é perene, arbustiva, com até 5 metros de altura. O caule é confundido com folhas, tem o formato de uma raquete, quando novos, e na maioria das variedades tem espinho. As flores são emitidas na borda das “folhas” em número variável e ficam abertas por um curto período, somente a noite.
Uma imagem vale mais que mil palavras.
Um verdadeiro espetáculo da natureza!

5 comentários:

Diogo Caceres disse...

Boa noite amiga!!
Tem razão, uma imagem vale mesmo...
Interessante o fato dela so abrir a noite... acho q é semelhante aquelas pessoas que no periodo escuro de suas vidas, deixam estrair de seu intimo os melhores perfumes de fé, perseverança e coragem!!!
Sua noite seja de bons sonhos, abraço!!!

Nanda Assis disse...

e fico aqui imaginando o perfume desta flor.

bjosss...

Crítica e denúncia disse...

Delicada amiga que gosta de flores...estarei plantando flores na minha casa a partir de outubro próximo. Lindas as suas fotos. Você deve ser bem iluminada interiormente, que legal!
Visitarei teu cantinho sempre que possível para ver estas coisas delicadas, um encanto.
Amo teu blog.
Bjs
Alda

Meus Detalhes disse...

Bom Dia Linda..... eu amei a Flor de Tuna... Amo Cactos, apesar de ter assassinado o meu :S..... Beijão e fique com DEUS :)!!!

manzas disse...

Estar aqui presente
Com palavras
Luzentes brilhantes…
É como flutuar
Em águas calmas
E no fundo ver diamantes

Um bom fim-de-semana
Inundado de paz…

O eterno abraço…